I want to sign up
If you are not yet registered, click here to continue.
Lordello Escritório de Arte
Auctioneer: FRANCESCO BUDANO JR.
LEILÃO DE FEVEREIRO
27 de February às 20:00h
28 de February às 20:00h
Bidding LEILÃO DE FEVEREIRO
(27/02/2024)
INCREASES TABLE (Real Brasileiro - BRL)
Commission Auctioneer
5,00%
from
R$ 0,00
up until
R$ 1.000,00
increase
R$ 50,00
from
R$ 1.000,00
up until
R$ 5.000,00
increase
R$ 100,00
from
R$ 5.000,00
up until
R$ 10.000,00
increase
R$ 200,00
from
R$ 10.000,00
up until
acima
increase
R$ 500,00

REGULAMENTO DO LEILÃO

 

  1. Os organizadores diligenciaram com esmero e cuidado a elaboração do catálogo e procuraram descrever as obras apregoadas o tanto quanto possível.
  2. A Lordello Escritório de Arte, examinou todas as obras antes do leilão e se responsabiliza por sua autenticidade, na hipótese de divergência desde que baseado em laudo firmado por perito idôneo o arrematante poderá optar pela anulação da transação dentro do prazo de 3 (três) meses após a compra.
  3. As obras apresentadas são de propriedade de terceiros e sua venda se dará no estado em que se encontra. Por esta razão solicitamos que procedam aos exames necessários e que se desejarem antes do leilão, pois não serão aceitas desistências

após o arremate.

  1. As obras ficarão expostas para apreciação nos dias da exposição, das 11 às 18h, à rua Peixoto Gomide, 2020 - Jardim Paulistano.
  2. Todos os lotes estão sujeitos a um preço mínimo indicado pelo proprietário, que poderá licitar pessoalmente ou através de representante.
  3. O leiloeiro poderá receber ordens de compra com limites máximos indicados pelos interessados. Nesse caso um funcionário devidamente credenciado ficará incumbido de licitar até o limite autorizado.
  4. As compras poderão ser pagas em até 3 vezes, sendo a primeira parcela no ato mais os 5% do leiloeiro. As demais para trinta e sessenta dias, respectivamente.
  5. As obras de arte arrematadas deverão ser retiradas no prazo máximo de 2 dias após o leilão, por conta e risco do arrematante. A não retirada das obras dentro deste prazo será considerada como desistência, perdendo o licitante qualquer direito

sobre o sinal.

  1. O leiloeiro como mandatário que é, dos proprietários das obras e agindo em seu nome, reserva-se o direito de não aceitar lances, agrupar ou retirar lotes, sem nenhuma obrigação de esclarecer os motivos de suas decisões.
  2. Qualquer litígio ficará subordinado à Legislação Brasileira e a jurisdição dos tribunais da Cidade de São Paulo, qualquer que seja o domicílio das partes. Casos omissos serão regulados pela Legislação pertinente e em especial pelo decreto 22.427/33, e suas disposições complementares.

 

institutes

support