I want to sign up
If you are not yet registered, click here to continue.
languages
log in
subscribe
Galeria Paiva Frade
Auctioneer: Alexandre Paiva Frade
Ecletismo das coleções no primeiro Leilão de 2023
09 de February às 20:00h
10 de February às 20:00h
Description
Pagination
Sort
Display
101

Portinari CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO Título: “Cristo e a Adúltera” Medida: 63 x 45 cm Técnica: Desenho a carvão sobre papel Ano: 1920Cândido Portinari nasceu em Brodowski, no estado de São Paulo em 30 de dezembro de 1903 dois dias antes de 1904, o não da eclosão da Revolta da Vacina, contra a vacinação obrigatória, na cidade do Rio de Janeiro. Semelhante a Picasso, começa a pintar aos 9 anos e, torna-se um dos maiores pintores da história tendo a O.N.U. abdicado de uma Tapeçaria da Guernica pelos painéis Guerra e Paz de Portinari. Em 1920 com quinze anos, matricula-se na Escola Nacional de Belas-Artes e em 1928 com apenas 24 anos conquistou o Prêmio de Viagem à Europa. Em 1922 recebe Menção Honrosa por um retrato, provavelmente de seu amigo Ezequiel Fonseca Filho. Em 1927 com Retrato do Dr. Antônio Ferreira dos Santos recebe a Grande Medalha de Prata da XXXIV Exposição Geral de Belas Artes da Escola Nacional de Belas Artes. Possibilitando, em 1928, na XXXV Exposição Geral de Belas Artes ganhar o Prêmio de Viagem à Europa, com mais um retrato o de Olegario Mariano Em Paris, mora momentaneamente, em Montparnasse, reduto de artistas, porém, muda-se para o Hôtel du Dragon na mesma rua da Académie Julien, que frequenta e, no ano de 1930, percebe sua vocação: “Vou pintar aquela gente com aquela roupa e com aquela cor…” Antonio Callado escreve no magnifico livro de Portinari: “...arte que ensina os brasileiros a amarem mais sua terra...” Retorna em 1931 e, põe-se a retratar com cores fortes a pobreza, as dificuldades, a dor do povo, da cultura, da flora, da fauna e da história. Pintando em 1934 “Despojados” - a obra de temática social. Neste ano, a primeira instituição pública adquire obra, “Mestiço”, pela Pinacoteca do Estado de São Paulo. Em 1935, no Instituto de Ar

1 bid
Bid
R$ 22.000,00 (BRL)
1 bid
Valor do lote
R$ 22.000,00 (BRL)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
102

Portinari CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO Título: “Retrato de Maria” Medida: 39 x 30 cm Técnica: Desenho a nanquim pincel e grafite sobre papel Ano: 1932 Atestado De Autenticidade Do Projeto Portinari N° 973.Cândido Portinari nasceu em Brodowski, no estado de São Paulo em 30 de dezembro de 1903 dois dias antes de 1904, o não da eclosão da Revolta da Vacina, contra a vacinação obrigatória, na cidade do Rio de Janeiro. Semelhante a Picasso, começa a pintar aos 9 anos e, torna-se um dos maiores pintores da história tendo a O.N.U. abdicado de uma Tapeçaria da Guernica pelos painéis Guerra e Paz de Portinari. Em 1920 com quinze anos, matricula-se na Escola Nacional de Belas-Artes e em 1928 com apenas 24 anos conquistou o Prêmio de Viagem à Europa. Em 1922 recebe Menção Honrosa por um retrato, provavelmente de seu amigo Ezequiel Fonseca Filho. Em 1927 com Retrato do Dr. Antônio Ferreira dos Santos recebe a Grande Medalha de Prata da XXXIV Exposição Geral de Belas Artes da Escola Nacional de Belas Artes. Possibilitando, em 1928, na XXXV Exposição Geral de Belas Artes ganhar o Prêmio de Viagem à Europa, com mais um retrato o de Olegario Mariano Em Paris, mora momentaneamente, em Montparnasse, reduto de artistas, porém, muda-se para o Hôtel du Dragon na mesma rua da Académie Julien, que frequenta e, no ano de 1930, percebe sua vocação: “Vou pintar aquela gente com aquela roupa e com aquela cor…” Antonio Callado escreve no magnifico livro de Portinari: “...arte que ensina os brasileiros a amarem mais sua terra...” Retorna em 1931 e, põe-se a retratar com cores fortes a pobreza, as dificuldades, a dor do povo, da cultura, da flora, da fauna e da história. Pintando em 1934 “Despojados” - a obra de temática social. Neste ano, a primeira instituição pública adquire obra, “Mestiço”, pela Pinacoteca do Estado de São Paulo. Em 1935, no Instituto de Ar

Bid
R$ 22.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 22.000,00 (BRL)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
103

Portinari CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO Título: “Árabe” Medida: 18 x 14 cm Técnica: Desenho a grafite sobre papel Ano: 1925 No verso, autenticação e inscrições de Maria Portinari "DN 244" e "N° 637" AUTENTICIDADE pelo Projeto Portinari N° 1310.Cândido Portinari nasceu em Brodowski, no estado de São Paulo em 30 de dezembro de 1903 dois dias antes de 1904, o não da eclosão da Revolta da Vacina, contra a vacinação obrigatória, na cidade do Rio de Janeiro. Semelhante a Picasso, começa a pintar aos 9 anos e, torna-se um dos maiores pintores da história tendo a O.N.U. abdicado de uma Tapeçaria da Guernica pelos painéis Guerra e Paz de Portinari. Em 1920 com quinze anos, matricula-se na Escola Nacional de Belas-Artes e em 1928 com apenas 24 anos conquistou o Prêmio de Viagem à Europa. Em 1922 recebe Menção Honrosa por um retrato, provavelmente de seu amigo Ezequiel Fonseca Filho. Em 1927 com Retrato do Dr. Antônio Ferreira dos Santos recebe a Grande Medalha de Prata da XXXIV Exposição Geral de Belas Artes da Escola Nacional de Belas Artes. Possibilitando, em 1928, na XXXV Exposição Geral de Belas Artes ganhar o Prêmio de Viagem à Europa, com mais um retrato o de Olegario Mariano Em Paris, mora momentaneamente, em Montparnasse, reduto de artistas, porém, muda-se para o Hôtel du Dragon na mesma rua da Académie Julien, que frequenta e, no ano de 1930, percebe sua vocação: “Vou pintar aquela gente com aquela roupa e com aquela cor…” Antonio Callado escreve no magnifico livro de Portinari: “...arte que ensina os brasileiros a amarem mais sua terra...” Retorna em 1931 e, põe-se a retratar com cores fortes a pobreza, as dificuldades, a dor do povo, da cultura, da flora, da fauna e da história. Pintando em 1934 “Despojados” - a obra de temática social. Neste ano, a primeira instituição pública adquire obra, “Mestiço”, pela Pinacoteca do Estado de São Paulo. Em 1935, no Instituto de Ar

Bid
R$ 22.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 22.000,00 (BRL)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
104

Portinari CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO Título: “Retrato de Inês Portinari” Medida: 39 x 29,5 cm Técnica: Desenho a grafite sobre papel Assinada e datada na metade inferior à direita "PORTINARI 938" Atestado De Autenticidade Do Projeto Portinari N° 973.Cândido Portinari nasceu em Brodowski, no estado de São Paulo em 30 de dezembro de 1903 dois dias antes de 1904, o não da eclosão da Revolta da Vacina, contra a vacinação obrigatória, na cidade do Rio de Janeiro. Semelhante a Picasso, começa a pintar aos 9 anos e, torna-se um dos maiores pintores da história tendo a O.N.U. abdicado de uma Tapeçaria da Guernica pelos painéis Guerra e Paz de Portinari. Em 1920 com quinze anos, matricula-se na Escola Nacional de Belas-Artes e em 1928 com apenas 24 anos conquistou o Prêmio de Viagem à Europa. Em 1922 recebe Menção Honrosa por um retrato, provavelmente de seu amigo Ezequiel Fonseca Filho. Em 1927 com Retrato do Dr. Antônio Ferreira dos Santos recebe a Grande Medalha de Prata da XXXIV Exposição Geral de Belas Artes da Escola Nacional de Belas Artes. Possibilitando, em 1928, na XXXV Exposição Geral de Belas Artes ganhar o Prêmio de Viagem à Europa, com mais um retrato o de Olegario Mariano Em Paris, mora momentaneamente, em Montparnasse, reduto de artistas, porém, muda-se para o Hôtel du Dragon na mesma rua da Académie Julien, que frequenta e, no ano de 1930, percebe sua vocação: “Vou pintar aquela gente com aquela roupa e com aquela cor…” Antonio Callado escreve no magnifico livro de Portinari: “...arte que ensina os brasileiros a amarem mais sua terra...” Retorna em 1931 e, põe-se a retratar com cores fortes a pobreza, as dificuldades, a dor do povo, da cultura, da flora, da fauna e da história. Pintando em 1934 “Despojados” - a obra de temática social. Neste ano, a primeira instituição pública adquire obra, “Mestiço”, pela Pinacoteca do Estado de São Paulo. Em 1935, no Instituto de Ar

Bid
R$ 22.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 22.000,00 (BRL)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
105

Sergio Campos (D'après Portinari) “Espantalho” Medidas: 78 x 83 cm. Escultura em bronze. REFERÊNCIA: Um projeto com a iniciativa do artista plástico Sérgio Campos de criar Portinari em esculturas, a partir de seu universo pictórico é uma viva manifestação de admiração e uma sincera homenagem ao maior pintor nacional de todos os tempos. A idéia de tridimensionar suas figuras surgiu há pelo menos duas décadas, resultado da convivência mais próxima com a obra do pintor através do Projeto Portinari. Durante todos esses anos, o desejo de realizar as esculturas ficou latente. Com a conclusão do catálogo raisonné, o artista se sentiu determinado a mergulhar na criação. O projeto PALANINHO – esculturas de SÉRGIO CAMPOS – pretende contemplar um conjunto abrangente e representativo da obra de Candido Portinari. Cada escultura terá uma tiragem limitada, numerada e assinada. Parte da coleção será disponibilizada a colecionadores particulares e outra, a instituições privadas e públicas, com o objetivo de torná-las acessíveis ao público.Até o momento, Sérgio realizou 23 bronzes inéditos em tamanhos variados. A “SÚPLICA”- figura da mulher com braços erguidos, tema recorrente na obra de Portinari - foi apresentada ao público e exposta no Theatro Municipal do Rio de Janeiro durante a inauguração do “Guerra e Paz” no Brasil, em dezembro de 2010. A escultura acompanhou os painéis durante o restauro no Palácio Gustavo Capanema no Rio de Janeiro e algumas peças da coleção vem sendo comercializadas, integrando acervos particulares no Rio de janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Madri, Paris e Nova Iorque. “A criação das esculturas a partir da obra de Portinari, por Sérgio Campos, tem a autorização exclusiva do detentor dos direitos autorais de Candido Portinari.

Bid
R$ 6.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 6.000,00 (BRL)
Cotações
$ 1,200.00 (USD)
$ 1,080.00 (EUR)
$ 218.940,00 (ARS)
Cotações
$ 1,200.00 (USD)
$ 1,080.00 (EUR)
$ 218.940,00 (ARS)
106

Sergio Campos (D'après Portinari) Título: “Menino do Tabuleiro” Medida: 100 x 56 x 28 cm. Técnica: Escultura em resina pintada à óleo. REFERÊNCIA: Um projeto com a iniciativa do artista plástico Sérgio Campos de criar Portinari em esculturas, a partir de seu universo pictórico é uma viva manifestação de admiração e uma sincera homenagem ao maior pintor nacional de todos os tempos. A idéia de tridimensionar suas figuras surgiu há pelo menos duas décadas, resultado da convivência mais próxima com a obra do pintor através do Projeto Portinari. Durante todos esses anos, o desejo de realizar as esculturas ficou latente. Com a conclusão do catálogo raisonné, o artista se sentiu determinado a mergulhar na criação. O projeto PALANINHO – esculturas de SÉRGIO CAMPOS – pretende contemplar um conjunto abrangente e representativo da obra de Candido Portinari. Cada escultura terá uma tiragem limitada, numerada e assinada. Parte da coleção será disponibilizada a colecionadores particulares e outra, a instituições privadas e públicas, com o objetivo de torná-las acessíveis ao público.Até o momento, Sérgio realizou 23 bronzes inéditos em tamanhos variados. A “SÚPLICA”- figura da mulher com braços erguidos, tema recorrente na obra de Portinari - foi apresentada ao público e exposta no Theatro Municipal do Rio de Janeiro durante a inauguração do “Guerra e Paz” no Brasil, em dezembro de 2010. A escultura acompanhou os painéis durante o restauro no Palácio Gustavo Capanema no Rio de Janeiro e algumas peças da coleção vem sendo comercializadas, integrando acervos particulares no Rio de janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Madri, Paris e Nova Iorque. “A criação das esculturas a partir da obra de Portinari, por Sérgio Campos, tem a autorização exclusiva do detentor dos direitos autorais de Candido Portinari.

Bid
R$ 5.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 5.000,00 (BRL)
Cotações
$ 1,000.00 (USD)
$ 900.00 (EUR)
$ 182.450,00 (ARS)
Cotações
$ 1,000.00 (USD)
$ 900.00 (EUR)
$ 182.450,00 (ARS)
106M

Montblanc Starwalker CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO A Montblanc presta homenagem à vida moderna e contemporânea. Caneta tem corpo de borracha preta, aço cromado, clip em metal platinado e polido encimado pela clássica estrela flutuante Montblanc. A resina preta lembra a vasta extensão escura do espaço; uma cúpula translúcida abaixo do emblema da Montblanc evoca a terra elevando-se acima do horizonte lunar; a tampa e o barril representam um astronauta. Para o seu desenho, a Montblanc fez parceria com o ex-astronauta e comandante da estação espacial, Leroy Chiao e o ilustrador coreano JaeHoon Choi. A StarWalker da Montblanc foi lançada para celebrar o 50º aniversário do primeiro pouso do homem na Lua na nova e impressionante boutique da Montblanc em Sydney, Austrália. Essa caneta é uma ode ao nosso belo Planeta Azul que por meio da escrita que nos inspira a nos reconectar com nosso planeta.

Bid
R$ 990,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 990,00 (BRL)
Cotações
$ 198.00 (USD)
$ 178.20 (EUR)
$ 36.125,10 (ARS)
Cotações
$ 198.00 (USD)
$ 178.20 (EUR)
$ 36.125,10 (ARS)
107

Lote composto por 14 Fine Art - Portinari Com certificado Técnica: Giclée sobre tela 1. Título: “Via Sacra I – Jesus é condenado a morte” Medidas: 60 x 60 cm 2. Título: “Via Sacra II – Jesus carrega a cruz às costas” Medidas: 60 x 60 cm 3. Título: “Via Sacra III – Jesus cai pela primeira vez” Medidas: 60 x 60 cm 4. Título: “Via Sacra IV – Jesus encontra sua mãe” Medidas: 60 x 60 cm 5. Título: “Via Sacra V – Simão Cirineu ajuda a levar a cruz” Medidas: 60 x 60 cm 6. Título: “Via Sacra VI – Verônica enxuga o rosto de Jesus” Medidas: 60 x 60 cm 7. Título: “Via Sacra VII – Jesus cai pela segunda vez” Medidas: 60 x 60 cm 8. Título: “Via Sacra VIII – Jesus consola as mulheres de Jerusalém” Medidas: 60 x 60 cm 9. Título: “Via Sacra IX – Jesus cai pela terceira vez” Medidas: 60 x 60 cm 10. Título: “Via Sacra X – Jesus é despojado de suas vestes” Medidas: 60 x 60 cm 11. Título: “Via Sacra XI – Jesus é pregado na cruz” Medidas: 60 x 60 cm 12. Título: “Via Sacra XII – Jesus morre na cruz” Medidas: 60 x 60 cm 13. Título: “Via Sacra XIII – Jesus é descido da cruz” Medidas: 60 x 60 cm 14. Título: “Via Sacra XIV – Jesus é depositado no sepulcro” Medidas: 60 x 60 cm

Bid
R$ 16.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 16.000,00 (BRL)
Cotações
$ 3,200.00 (USD)
$ 2,880.00 (EUR)
$ 583.840,00 (ARS)
Cotações
$ 3,200.00 (USD)
$ 2,880.00 (EUR)
$ 583.840,00 (ARS)
107a

Portinari Gravuras que ilustram o livro “Menino de Engenho”, (1932), de José Lins do Rego. Lote composto por 13 gravuras de tamanhos diversos.

Bid
R$ 15.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 15.000,00 (BRL)
Cotações
$ 3,000.00 (USD)
$ 2,700.00 (EUR)
$ 547.350,00 (ARS)
Cotações
$ 3,000.00 (USD)
$ 2,700.00 (EUR)
$ 547.350,00 (ARS)
108
LIMOGES - FRANCE- SÉC. XIX. Placa oval em porcelana, pintura manual: "Nu em Repouso, dedilhando harpa".
Medidas: 19 x 27 cm. Com moldura: 39,5 x 47,5 cm.
Bid
R$ 3.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 3.000,00 (BRL)
Cotações
$ 600.00 (USD)
$ 540.00 (EUR)
$ 109.470,00 (ARS)
Cotações
$ 600.00 (USD)
$ 540.00 (EUR)
$ 109.470,00 (ARS)
109
LIMOGES - FRANCE- SÉC.XIX. Placa oval em porcelana, pintura manual: "Nu feminino posando em jardim"
Medidas: 19 x 27 cm. Com moldura: 40 x 47,5 cm.


Bid
R$ 3.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 3.000,00 (BRL)
Cotações
$ 600.00 (USD)
$ 540.00 (EUR)
$ 109.470,00 (ARS)
Cotações
$ 600.00 (USD)
$ 540.00 (EUR)
$ 109.470,00 (ARS)
110
S. M. FRANCISCOVICH- ( SVETOVAR MARIA FRANCISCOVICH, 1895 - 1982)
Pintura óleo sobre metal (folha de Flandres)
Montanhas do Rio de Janeiro, vista de Niterói, Cerca de 1917.
Diâmetro: 10 cm. Medida total:27 x 27 cm.

BIOGRAFIA: Nasceu na Áustria em 1895 e faleceu em Buenos Aires em 1982, cidade onde se fixou no primeiro quartel do século XX. Seu tema principal na Argentina foram as paisagens congeladas, os lagos do sul da Argentina, os picos nevados, as ilhas e os mares do sul da Argentina incorporados em seu estilo acadêmico particular. Realizou exposições individuais na Witcomb Gallery. Na década de 1920 visitou Mendoza, um viajante incansável, percorreu vários países da América do Sul registrando em suas telas paisagens do Peru, Bolívia, Chile e Argentina. Em Mendoza expôs no Jockey Club em 1922, entre suas pinturas a óleo estavam: Entrando no Desaguadero peruano, Cerros de Copacabana, Rincón del Lago Titicaca, Altiplano em La Quiaca, e algumas marinhas como: Tarde serena, Marina na costa do Pacífico , Marinha nas costas peruanas, costas chilenas e outras.
FONTE: https://artedelaargentina.com/disciplinas/artista/pintura/svetovar-maria-franciscovich

Exposição no Rio de Janeiro, 1917- Galeria Jorge, Rua do Rosário, 131.
Bid
R$ 900,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 900,00 (BRL)
Cotações
$ 180.00 (USD)
$ 162.00 (EUR)
$ 32.841,00 (ARS)
Cotações
$ 180.00 (USD)
$ 162.00 (EUR)
$ 32.841,00 (ARS)
110M

A Meisterstück Solitaire Platinum-Plated Facet CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO Foi concebida no desejo de unir o design clássico da Montblanc a materiais singulares. Com a suaestrutura cúbica de facetas retangulares gravadas profundamente no corpo da caneta, revestidas a platina passam um ar arrojado e raro. A caneta usa mecanismo de torção de fácil operação. No clipe banhado de platina polido está o número de série individual. O famoso emblema da Montblanc é visto na parte superior e nos três anéis folheados a platina está gravado o nome da Montblanc.

Bid
R$ 1.800,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 1.800,00 (BRL)
Cotações
$ 360.00 (USD)
$ 324.00 (EUR)
$ 65.682,00 (ARS)
Cotações
$ 360.00 (USD)
$ 324.00 (EUR)
$ 65.682,00 (ARS)
111

JEAN POUYAT- LIMOGES (1890-1902) TURENNE- Henri de La Tour de Auvérnia, visconde de Turenne. Prato de coleção em porcelana francesa, aba no tom azul cobalto e ao centro policromia. Detalhes em ouro brunido. Diâmetro: 22 cm. DA MARCA: https://www.infofaience.com/en/marks/limoges-marks DO PERSONAGEM: HENRI DE LA TOUR D'AUVERGNE (Sedan, 11 de Setembro de 1611 — Salzbach, 27 de Julho de 1675), foi um nobre e militar francês nomeado marechal de França em 1643. Nascido no castelo de Sedan em uma grande família aristocrática, ele foi um dos melhores generais de Luís XIII e Luís XIV. Inicialmente protestante, converteu-se ao catolicismo durante o reinado de Luís XIV, sob a influência de Bossuet. Durante a Guerra dos Trinta Anos (1618-1648), comandou, em favor da França, o exército mercenário dos weimarianos e tomou parte nas "jornadas de Friburgo" e na Segunda Batalha de Nordlingen. Inicialmente próximo da Fronda, em 1648, ele se aproximou de Mazarino e tornou-se comandante dos exércitos reais, vindo a derrotar Condé, seu antigo companheiro de armas, na batalha das Dunas. Durante a guerra da Holanda, foi vencido pelas forças imperiais, comandadas por Montecuccoli, vendo-se obrigado a repassar o rio Reno, em 1673. Mas obteve sua revanche em junho de 1674, na batalha de Sinzheim, onde ele impediu a junção de dois exércitos adversários, aproveitando ainda para devastar o Palatinado. Ele vence novamente os imperiais na Alsácia, na batalha de Einzheim em outubro de 1674, mas, ante a desproporção de forças, ele recua sobre Saverne e Haguenau, deixando os alemães estabelecerem seus quartéis de inverno na Alsácia. Contrariando o costume da época, TURENNE não hesitou em atacar em pleno inverno. Manobrando oculto pelos montes Voges, ele retornou a Alsácia pelo sul, passando por Belfort no dia 27 dezembro de 1674. Sem encontrar resistência, alcança Mulhouse no dia 29. Os imperiais, surpreendidos, buscam se concentrar às pressas em Turckheim. No dia 5 de janeiro de 1675, ocorre a Batalha de Turckheim: marchando com o flanco esquerdo colado às montanhas, TURENNE ataca a extrema direita do dispositivo inimigo, pondo-o em fuga, sem muitas baixas. As forças invasoras, desorganizadas, cruzam o Reno, abandonando a Alsácia. Findo o inverno, TURENNE vê-se novamente diante de tropas adversárias comandadas por Montecuccoli. Durante dois meses, os dois se enfrentam pela manobra, sem resultados conclusivos. Finalmente, no dia 27 de julho, TURENNE vê-se em posição de forçar o adversário a uma batalha decisiva (Salzbach), durante a qual ele acaba atingido mortalmente por um tiro de canhão. Os seus restos mortais encontram-se depositados no Hôtel des Invalides.

Bid
R$ 650,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 650,00 (BRL)
Cotações
$ 130.00 (USD)
$ 117.00 (EUR)
$ 23.718,50 (ARS)
Cotações
$ 130.00 (USD)
$ 117.00 (EUR)
$ 23.718,50 (ARS)
112
LEROSEY – Rue de la Paix – Paris. (1880-1890) - GABRIELLE D'ESTRÉES, amante mais famosa do rei Henrique IV de França no século XVI.
Diâmetro: 24 cm.

DO PERSONAGEM: GABRIELLE D'ESTRÉES(Castelo de Cœuvres-et-Valsery, 1573 — Paris, 10 de abril de 1599), foi duquesa de Beaufort, Verneuil e de Étampes e marquesa de Montceaux, e a amante mais famosa do rei Henrique IV de França.
Divorciada, Gabrielle morou no Hôtel du Bouchage e depois no Hôtel de Schomberg, diante do Louvre. No mesmo ano, Henrique IV concedeu-lhe o título de Marquesa de Montceaux e dois anos depois ofereceu-lhe o Ducado de Beaumont. A relação do rei com Gabrielle era pública e o casal exibia gestos de afecto, mesmo estando ele ainda casado com Margarida de Valois. Gabrielle teve três filho de Henrique, César, Catarina e Alexandre, legitimados à nascença e educados como príncipes de sangue real.

DA MARCA: https://marksonchina.com/marks/lerosey-rue-de-la-paix/
Bid
R$ 1.200,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 1.200,00 (BRL)
Cotações
$ 240.00 (USD)
$ 216.00 (EUR)
$ 43.788,00 (ARS)
Cotações
$ 240.00 (USD)
$ 216.00 (EUR)
$ 43.788,00 (ARS)
113

Prato de porcelana francesa que pertenceu ao Serviço de URBANO SANTOS, Jurista, Promotor e 24º Governador do Maranhão e 7º. Vice Presidente da República do Governo de Venceslau Brás entre 1914 e 1918. No centro iniciais douradas entrelaçadas e borda recortada com friso dourado. No fundo as inscrições: Le Bourgeois, Paris. Deposé. Limoges. France. 23 cm. DO PERSONAGEM: URBANO SANTOS DA COSTA ARAUJO (Guimarães, 3 de fevereiro de 1859 — Rio de Janeiro, 7 de maio de 1922) Foi um jurista, promotor e político brasileiro, que foi o 24.º Governador do Maranhão e o 7.º Vice-presidente da República no governo de Venceslau Brás, entre 1914 e 1918. BIOGRAFIA: Filho de Antônio Brício de Araújo, formou-se pela Faculdade de Direito do Recife, em 1882 na mesma turma em que se formaram Clóvis Beviláqua e José Xavier Carvalho de Mendonça, autor do Tratado de Direito Comercial Brasileiro, em dez volumes. Foi redator da Gazeta Acadêmica de Ciências e Letras. Casou-se aos 29 anos com Maria Filomena de Macedo Araújo no dia 6 de fevereiro de 1888, na vila do Rosário. O casal teve duas filhas: Virgínia e Maria da Conceição. Foi promotor público em Baixo Mearim (atual Vitória do Mearim), Mirador e Rosário, e juiz municipal da cidades maranhenses de Coroatá, São Bento e São Vicente Ferrer. Foi ainda juiz de casamentos e do comércio na capital do estado, além de juiz de direito de Campos Novos (SC). Morreu em viagem entre o Maranhão e o Rio de Janeiro, em 7 de maio de 1922. CARREIRA POLÍTICA: Foi deputado federal de 1897 a 1905, governador em 1913, senador entre 1906 e 1914 e vice-presidente do Brasil entre 1914 e 1918, durante a presidência de Venceslau Brás.[5] Assumiu interinamente a presidência do Brasil em 1917. Embora tenha sido eleito por três vezes presidente do Maranhão (em 1898, 1913 e 1918), só aceitou assumir o cargo da última vez. Não tomando posse de imediato, foi substituído pelos vice-presidentes José Joaquim Marques falecido em 9 de outubro de 1918) e Raul da Cunha Machado (até 21 de outubro de 1918). Assumiu a presidência do estado e, após um mês, licenciou-se para assumir o Ministério da Justiça. Assumiu também o ministério da Justiça e Negócios Interiores, entre 3 de dezembro de 1918 e 28 de julho de 1919, durante o governo de Delfim Moreira, quando buscou dinamizar os departamentos do ministério, principalmente o de saúde pública. Também promoveu o serviço de profilaxia urbana e rural, instalou o Instituto Oswaldo Cruz em São Luís e firmou contrato com a Fundação Rockefeller para o combate à malária. Retornou ao Maranhão e reassumiu o mandato após deixar o cargo de ministro. Durante seu governo, foi inaugurada a Ferrovia São Luís-Teresina, em 1921. Foi firmado um contrato com a Cia. Nacional de Navegação Costeira para a operação de uma linha de cabotagem entre os pequenos portos do estado. Buscou regularizar o abastecimento de água da capital maranhense, construiu a Escola Modelo Benedito Leite, reformou a penitenciária e adquiriu o prédio o Convento dos Mercedários (Convento das Mercês) para ampliação do quartel da Polícia Militar do Estado do Maranhão. Construiu o Porto do Guarapiranga e o Aprendizado Agrícola Cristino Cruz (Escola Agrícola Federal do Maranhão) e o Teatro São Luiz passa a se chamar Teatro Arthur Azevedo, em homenagem ao grande dramaturgo maranhense. Em 25 de fevereiro de 1922, transferiu novamente o governo a Raul da Cunha Machado.[6] Reeleito para a vice-presidência na chapa de Artur Bernardes em 1922, morreu antes de ser empossado. Seu irmão, Antônio Brício de Araújo, homônimo do pai, foi vice-presidente do Maranhão de 1914 a 1917, presidente de 1917 a 1918, e senador de 1929 a 1930. HOMENAGENS: Benedito Leite e Urbanos Santos foram os principais líderes políticos do Maranhão durante a Primeira República, representantes da politica coronelista. Com a morte de Benedito Leite, em 1909, Urbano Santos assumiu o controle político do estado, exercendo forte influência e gozando de prestígio junto ao Governo Federal. Em sua homenagem, há um os bustos da Praça do Pantheon, em São Luís, que homenageiam importantes escritores maranhenses. Também há um município chamado de Urbano Santos, na região leste do estado. Na frente do Liceu Maranhense, há o Parque Urbano Santos.

Bid
R$ 900,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 900,00 (BRL)
Cotações
$ 180.00 (USD)
$ 162.00 (EUR)
$ 32.841,00 (ARS)
Cotações
$ 180.00 (USD)
$ 162.00 (EUR)
$ 32.841,00 (ARS)
114

Bengala com castão em porcelana francesa, estilo SÉVRES. Bronze espessurado a ouro e cinzelado em arabescos, duas reservas com pintura manual: figuras de nobres no campo, sobre fundo Azul e ouro. França, séc. XIX / XX.Origem: Ex-coleção Maria Helena e Eldino da Fonseca Brancante, autor do livro:"O Brasil e a Cerâmica Antiga". Cia Lithografica Ipiranga. São Paulo, 1981. Medidas: 9 x 2 x 2 cm.

Bid
R$ 1.200,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 1.200,00 (BRL)
Cotações
$ 240.00 (USD)
$ 216.00 (EUR)
$ 43.788,00 (ARS)
Cotações
$ 240.00 (USD)
$ 216.00 (EUR)
$ 43.788,00 (ARS)
115
Par de Colunas Sacras em madeira entalhada, torneada, carnada,marmorizada e faiscada.
Minas Gerais, século XIX.
Medidas: 140 x 25 x 25 cm.
Bid
R$ 5.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 5.000,00 (BRL)
Cotações
$ 1,000.00 (USD)
$ 900.00 (EUR)
$ 182.450,00 (ARS)
Cotações
$ 1,000.00 (USD)
$ 900.00 (EUR)
$ 182.450,00 (ARS)
115M

Montblanc Edição Limitada Miguel de Cervantes CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO Fabricada em 2005, aos 400 anos de Cervantes, a Caneta Montblanc Miguel de Cervantes Limited Edition fez homenagem ao pai de “Don Quixote”, clássico literário mundial mais influente de todos os tempos. Feita de laca marmorizada marrom, os anéis folheados a ouro adornam o barril. Com assinatura de Miguel de Cervantes.

1 bid
Bid
R$ 1.400,00 (BRL)
1 bid
Valor do lote
R$ 1.400,00 (BRL)
Cotações
$ 280.00 (USD)
$ 252.00 (EUR)
$ 51.086,00 (ARS)
Cotações
$ 280.00 (USD)
$ 252.00 (EUR)
$ 51.086,00 (ARS)
116

OTTO KIRCHNER (1887-1960) MEDIDAS: 19 x 15,5 cm./28 x 24 x 5,5 cm. Óleo sobre placa de madeira. "Apreciador de vinhos". Cotação internacional media: US$ 7.000 / 45.000 Obras reproduzidas no leilão Old Masters da Sothebys, N. Y. de 30 de junho de 2004 (vide foto) Pintor de cenas de gênero, sua pintura é muito agradável e executada com grande atenção aos detalhes, e sobretudo caracterizada pelos primorosos retratos, principalmente os executados em Munique. Otto Bekart Kirchner, nasceu em 1887 em Eckartshausen. Entre 1808-1809, estudou na academia de Dusseldorf, logo em seguida transferindo-se para a Italia onde adquiriu grande conhecimento e técnica. E foi esta refinada técnica que permitiu-lhe ingressar na prestigiada e seleta Academia de Belas Artes de Munique, onde estudou, de 1912-1914, sob os auspícios do mestre alemão Feuerstein. A partir de 1918, seu trabalho torna-se altamente requisitado e reconhecido pelo fato de ter executado retratos das mais importantes personalidades de sua época. Além disso sua pintura de cenas de gênero envoltas em sutis e delicadas mensagens eram disputadíssimas pelos colecionadores. Ainda no inicio do século, Kirchner tornou-se membro da "Vienna Artists Unit", vindo, a partir dai, a realizar inúmeras exposições. Seus trabalhos foram exibidos regularmente em Munique no "Glass Palace", e hoje estão em diversas coleções e Museus na Europa e Estados Unidos. BENEZIT, tomo 6, pagina 225.

Bid
R$ 22.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 22.000,00 (BRL)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
117

OTTO KIRCHNER (1887-1960) MEDIDAS: 19 x 15,5 cm./28 x 24 x 5,5 cm. "Apreciador de charutos". Óleo sobre placa de madeira. Cotação internacional media: US$ 7.000 / 45.000 Obras reproduzidas no leilão Old Masters da Sothebys, N. Y. de 30 de junho de 2004 (vide foto) Pintor de cenas de gênero, sua pintura é muito agradável e executada com grande atenção aos detalhes, e sobretudo caracterizada pelos primorosos retratos, principalmente os executados em Munique. Otto Bekart Kirchner, nasceu em 1887 em Eckartshausen. Entre 1808-1809, estudou na academia de Dusseldorf, logo em seguida transferindo-se para a Italia onde adquiriu grande conhecimento e técnica. E foi esta refinada técnica que permitiu-lhe ingressar na prestigiada e seleta Academia de Belas Artes de Munique, onde estudou, de 1912-1914, sob os auspícios do mestre alemão Feuerstein. A partir de 1918, seu trabalho torna-se altamente requisitado e reconhecido pelo fato de ter executado retratos das mais importantes personalidades de sua época. Além disso sua pintura de cenas de gênero envoltas em sutis e delicadas mensagens eram disputadíssimas pelos colecionadores. Ainda no inicio do século, Kirchner tornou-se membro da "Vienna Artists Unit", vindo, a partir dai, a realizar inúmeras exposições. Seus trabalhos foram exibidos regularmente em Munique no "Glass Palace", e hoje estão em diversas coleções e Museus na Europa e Estados Unidos. BENEZIT, tomo 6, pagina 225.

Bid
R$ 22.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 22.000,00 (BRL)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
Cotações
$ 4,400.00 (USD)
$ 3,960.00 (EUR)
$ 802.780,00 (ARS)
118
Attilio Pratella(Lugo di Romagna, 1856 - Nápoles, 1949)
Título: “Napoli, Via Foria”
Medida: 47,5 x 30 cm
Técnica: Aquarela sobre papel colada em cartão
Bid
R$ 4.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 4.000,00 (BRL)
Cotações
$ 800.00 (USD)
$ 720.00 (EUR)
$ 145.960,00 (ARS)
Cotações
$ 800.00 (USD)
$ 720.00 (EUR)
$ 145.960,00 (ARS)
119

Ettore Tito (1859 - 1941) Marina O.S.E. Rio, 1921. Medidas: 39,5 x 29,5 cm. Com moldura: 50,5 x 40 cm. Ettore Tito 17 de dezembro de 1859 - 26 de junho de 1941 Artista italiano particularmente conhecido por suas pinturas narrativas da vida contemporânea e paisagens de Veneza. Estudos na Accademia di Belle Arti em Veneza e de 1894 a 1927 onde depois foi professor. Tito expôs amplamente e foi premiado com o Grande Prêmio de pintura na Exposição Internacional Panamá-Pacífico de 1915 em San Francisco . Em 1926 foi nomeado membro da Real Academia da Itália . Tito nasceu em Castellammare di Stabia, perto de Nápoles em 17 de dezembro de 1859, filho de um capitão da marinha mercante e mãe veneziana, para onde a familia foi quando pequeno. Estudou com o holandês Cecil van Haanen , e depois na Accademia di Belle Arti, onde foi aceito aos 12 anos onde estudou com Pompeo Marino Molmenti e se formou aos 17 anos. Seu primeiro grande sucesso veio veio aso 28 anos, em 1887, quando uma pintura do antigo mercado de peixe no Rialto,ganhou grandes elogios na Esposizione Nazionale Artistica em Veneza e foi posteriormente comprada pela Galleria Nazionale d'Arte Moderna de Roma . Expôs na Bienal de Veneza desde seu início em 1895 até 1914 e novamente em 1920, quando a Bienal foi retomada após a Primeira Guerra Mundial . Na Bienal, ganhou o Premio Città di Venezia (Prêmio Cidade de Veneza) em1897 e uma Grande Medaglia d'Oro (Grande Medalha de Ouro) na Bienal de 1903. Em 1909, uma sala inteira da Bienal foi dedicada a sua exposição retrospectiva e, novamente nas Bienais de 1922, 1930 e 1936. A tela Chioggia recebeu medalha de ouro na Exposição Universal de 1900 em Paris e foi posteriormente comprada pelo Musée du Luxembourg . Sua pintura, La gomena ganhou o Grande Prêmio na Exposition Universelle et Internationale em Bruxelas em 1910, e em 1915 ele foi premiado com o Grande Prêmio de pintura italiana na Exposição Internacional Panamá-Pacífico em San Francisco Em 1926, ano em que ele foi nomeado membro da Academia Real da Itália . Após 1900,, fez pinturas para a Villa Berlinghieri em Roma e no Palazzo Martinengo em Veneza e desenhos que ilustraram várias as revistas The Graphic , Scribner's Fez, em 1920ilustrações Art Deco picantes para uma revista francesa e, Aide-toi, le ciel t'aidera, O céu ajuda aqueles que se ajudam, está no Victoria and Albert Museum Ao longo dos anos, as propriedades da família, Villa Tito na Riviera del Brenta e o Palazzotto Tito, foram locais de encontro em Veneza. Em 1894 Tito sucedeu Pompeo Molmenti como professor de pintura na Accademia de Veneza, cargo que ocupou até 1927. Em 1929, aos 70 anos pintou a abóbada da Igreja de Santa Maria di Nazareth, de 400 metros quadrados, em Veneza, substituindo a de Tiepolo destruída na Primeira Guerra Mundial. Sua última grande obra I maestri veneziani, Os Mestres Venezianos, foi exibida na Bienal de Veneza em 1940. a pintura retrata uma jovem cercada por os maiores artistas da cidade deVeneza: Tiepolo, Veronese , Ticiano e Tintoretto enquanto Goldoni e um arlequim observam. Tito morreu em Veneza em 26 de junho de 1941 aos 81 anos. Seu filho, Luigi Tito também foi um notável pintor. Em setembro de 2003, uma exposição retrospectiva das obras de Etttore, Luigi e Pietro Giuseppe Tito foi realizada na Villa Pisani. Em Veneza foi professor de Pedro Bruno e Gustavo Dall'Ara.

Bid
R$ 1.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 1.000,00 (BRL)
Cotações
$ 200.00 (USD)
$ 180.00 (EUR)
$ 36.490,00 (ARS)
Cotações
$ 200.00 (USD)
$ 180.00 (EUR)
$ 36.490,00 (ARS)
120

HEINRICH EWERS (WISMAR, 20 de novembro de 1817 em Wismar -DUSSELDORF 13 de março de 1885) "Marinha" Óleo sobre cartão Assinado no canto inferior esquerdo. No verso, referências ao artista. Medidas: 28 x 41 cm. Com moldura: ...... REFERÊNCIAS: https://www.invaluable.com/artist/ewers-heinrich-ptxjt58cm4/ https://www.artnet.com/artists/heinrich-ewers/ https://galeriazak.pl/en_US/p/Heinrich-Ewers-%E2%80%9CIn-the-town/5767 BIOGRAFIA: August Heinrich Ewers, Heinz Ewers (Wismar 1817 - 1885 Düsseldorf) foi um pintor alemão da Escola de Düsseldorf. Em 1836, Ewers começou a estudar escultura na Academia Prussiana de Artes em Berlim. Ao mesmo tempo em que trabalhava como desenhista de móveis, também desenhava amostras de tecidos e papéis de parede. Em Düsseldorf estabeleceu-se como pintor. Lá ele era membro da associação de artistas de Malkasten desde 1861 e era um dos amigos íntimos do pintor de história e gênero Hermann Becker. Por volta de 1864, Ewers conheceu Maria de Weerth. Em 1869 eles se casaram e se mudaram para a casa em Immermannstrasse 22. Em 1871 nasceu seu filho Hanns Heinz Ewers,foi um ator, poeta, filósofo e escritor alemão de contos e romances, em 1873 o filho Ernst Gustav, mais tarde contra-almirante da Marinha Imperial Provisória. Friedrich Franz II. O Grão-Duque de Mecklenburg-Schwerin.

Bid
R$ 3.600,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 3.600,00 (BRL)
Cotações
$ 720.00 (USD)
$ 648.00 (EUR)
$ 131.364,00 (ARS)
Cotações
$ 720.00 (USD)
$ 648.00 (EUR)
$ 131.364,00 (ARS)
121
EDOARDO DI MARTINO (Itália, Meta, 1836- Reino Unido, Londres, 1912)
ÓLEO SOBRE TELA
MEDIDAS: 29 x 41 cm/ ....
REGATA DE VELEIROS H5, H6.
Assinado no C.I.D.

BIOGRAFIA:
Na década de 1840, estudou na Escola Naval de Nápoles, e com o pintor da Escola de Posillipo, Giacinto Gigante chegando a oficial da Marinha de guerra italiana.
Na década de 1950, viveu em Montevidéu e Porto Alegre onde foi aluno de Telles Júnior.
Foi pintor oficial, nomeado por D. Pedro II, na Guerra da Tríplice Aliança. Durante o período com as forças brasileiras, produziu um grande número de desenhos que posteriormente serviram como estudos para quadros a óleo, verdadeiros testemunhos das batalhas travadas pelas forças aliadas. Hoje em Museus.
Em 1868, fixa no Rio de Janeiro onde em 1870 é premiado com a medalha de ouro Exposição Geral de Belas Artes.
Em 1871, foi tornou-se membro correspondente da Academia Imperial de Belas Artes.
Em 1875 muda-se para Londres onde foi nomeado, em 1895, pintor oficial de marinhas da corte.
Bid
R$ 5.550,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 5.550,00 (BRL)
Cotações
$ 1,110.00 (USD)
$ 999.00 (EUR)
$ 202.519,50 (ARS)
Cotações
$ 1,110.00 (USD)
$ 999.00 (EUR)
$ 202.519,50 (ARS)
121M

Montblanc, 750, Meisterstuck CLICK AQUI E ASSISTA O VIDEO A caneta de porcelana 750 Montblanc Masters for Meisterstück é uma elegante obra de arte que deve ser apreciada pelo comprador por toda a vida. As coleções Masters Meisterstück são uma série de edições que prestam homenagem ao paradigma de excelência da Meisterstück, bem como às tradições visionárias dos mestres artesãos, sua dedicação de longa data que, com excelência baseiam-se na riqueza de conhecimentos transmitidos ao longo dos anos de uma geração para a seguinte. Essa caneta é um classico, de espessura em em ouro amarelo 18K, tamanho 149, da coleção "Meisterstuck Solitaire" é um icone com edição limitada em 4810.

Bid
R$ 20.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 20.000,00 (BRL)
Cotações
$ 4,000.00 (USD)
$ 3,600.00 (EUR)
$ 729.800,00 (ARS)
Cotações
$ 4,000.00 (USD)
$ 3,600.00 (EUR)
$ 729.800,00 (ARS)
122
Giuseppe Palizzi(Lanciano (Chieti), 1812 – Paris, 1888)
(Escola de Barbizon)
Nella Foresta di Fontainebleau
Medidas: 42 x 80 cm.
Óleo sobre tela
1859
Bid
R$ 3.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 3.000,00 (BRL)
Cotações
$ 600.00 (USD)
$ 540.00 (EUR)
$ 109.470,00 (ARS)
Cotações
$ 600.00 (USD)
$ 540.00 (EUR)
$ 109.470,00 (ARS)
123
Narcisse-Virgile Diaz de la Peña (1808, Bordeaux, França - 18 de novembro de 1876, Menton)
(Atribuído)
Escola de Barbizon
Óleo sobre tela
Medidas: 73 x 60 cm.

REFERÊNCIAS: Pintor e litógrafo francês do grupo de paisagistas conhecido como Barbizon School, que se distingue por suas inúmeras representações românticas da floresta de Fontainebleau e suas fantasias paisagísticas com figuras mitológicas.

Aos 15 anos, Diaz começou a trabalhar como pintor de cerâmica para a fábrica de porcelana Sèvres. Estudou por um tempo com o pintor acadêmico Alexandre Cabanel. Fortemente influenciado por Delacroix e pelos românticos e atraído pela arte medieval e do Oriente Médio, ele frequentemente pintava temas exóticos no início de sua carreira.
Bid
R$ 2.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 2.000,00 (BRL)
Cotações
$ 400.00 (USD)
$ 360.00 (EUR)
$ 72.980,00 (ARS)
Cotações
$ 400.00 (USD)
$ 360.00 (EUR)
$ 72.980,00 (ARS)
124
Escola Europeia
Título: “Mestre Europeu – Via Crucis”
Medida: 180 x 127 cm
Técnica: Óleo sobre tela
Século XIX
Bid
R$ 9.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 9.000,00 (BRL)
Cotações
$ 1,800.00 (USD)
$ 1,620.00 (EUR)
$ 328.410,00 (ARS)
Cotações
$ 1,800.00 (USD)
$ 1,620.00 (EUR)
$ 328.410,00 (ARS)
125
After TITIAN (Tiziano Vecellio, ca 1485/88-1576, Italy)
Escola européia.
Óleo sobre tela, sem assinatura, atribuído ao século XIX.
MEDIDAS: 1,12 cm X1,40 cm/ 141 x 168 cm.

D'Aprés (A partir de): "Concerto Campestre" - Criação: 1509.
Localização: Museu do Louvre.
Consta de restauro e reentelamento.
Períodos: Renascimento, Alta Renascença, Renascença italiana
REFERÊNCIAS: https://en.wikipedia.org/wiki/Pastoral_Concert

Bid
R$ 10.000,00 (BRL)
be the first to bid
Valor do lote
R$ 10.000,00 (BRL)
Cotações
$ 2,000.00 (USD)
$ 1,800.00 (EUR)
$ 364.900,00 (ARS)
Cotações
$ 2,000.00 (USD)
$ 1,800.00 (EUR)
$ 364.900,00 (ARS)
Pagination
institutes
support
Contact
Horário de Atendimento: das 12:30h às 17:30h, das 19:00h às 22:00h e em plantão durante os leilões.
Phone iArremate: (35) 99935-4693
E-mail: sac@iarremate.com
Where are we
R. Heitor Modesto, 28 - Estação
São Lourenço - MG
CEP: 37470-000
© iArremate - Portal de Arte (2013-2023) - powered by PPSW
All rights reserved. No part of this web page may be reproduced in any way or by any means without the prior written consent of iarremate.com.
The unauthorized use or copying of any content of this site, including user accounts or products offered will result in permanent account cancellation.